Rio de Janeiro
A+ A-

Notícias

Publicado em: 14/05/2020

A comunicação é um recurso importante utilizado pela Terapia Ocupacional para entender as necessidades dos pacientes que estão com a COVID-19 na UTI.


O Caderno de Comunicação Alternativa da Terapia Ocupacional, criado pelo grupo de pesquisa do Departamento de Terapia Ocupacional da UFRJ em parceria com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), está ajudando muito a entender as necessidades físicas, espirituais, sociais e emocionais de cada paciente que está no Centro de Terapia Intensiva (CTI). Com um vocabulário específico a comunicação tem sido cada vez mais eficaz, fazendo com que o paciente adquira capacidade comunicativa e autonomia para se relacionar com a equipe multidisciplinar.

 
Desta forma, os terapeutas ocupacionais têm o papel fundamental na interação, que envolve a capacidade do paciente de ser o emissor, transmissor e receptor de uma informação usando uma série de equipamentos incluídos estrategicamente pelo terapeuta ocupacional como:  pranchas de comunicação, telefones ou tablets. 
 
 
Nesse contexto a comunicação alternativa suplementa e compreende as estratégias e metodologias, com o objetivo de desenvolver a autonomia do paciente com Covid-19 com dificuldades comunicativas devido a gravidade dos sintomas respiratórios.
 

“Destaca-se que o caderno foi construído em conformidade com os resultados das nossas pesquisas, que vêm sendo desenvolvidas desde 2011. A partir de 2016, iniciamos o projeto de pesquisa e extensão intitulado Comunicação Alternativa em Hospitais: levantamento de vocabulário para uso no ambiente hospitalar, com os objetivos de identificar e selecionar o vocabulário mais adequado para ser utilizado em diferentes situações de cuidado, assim como verificar as estratégias mais factíveis para esse público”, explica a professora de Terapia Ocupacional da UFRJ, Doutora Janaína Santos Nascimento.  

 
Devido a ventilação mecânica ou a falta de oxigenação, o paciente se sente estressado, impotente, ansioso e frustrado. O trabalho do terapeuta ocupacional na interação do paciente com a equipe multidisciplinar é trabalhar nas estratégias visando a independência, autonomia, qualidade de vida e até mesmo a inclusão social.

“Nesse momento de enfrentamento à pandemia destaco a importância da divulgação dessa ferramenta que está diretamente ligada à melhora da qualidade de vida e bem estar do paciente no período de internação.” Observou a conselheira e terapeuta ocupacional Dra. Ana Carla Nogueira. 

 
Além disso, o caderno de Comunicação Alternativa foi traduzido para espanhol pela professora Viviana Marcela León - Professora Adjunta do Departamento de la Ocupación Humana de la Universidad Nacional de Colombia. O material pode ser acessado no portal Assistiva:
 
http://www.portalassistiva.com.br/pranchas/atividades.php?opcao=4&cod_atividade=2917
 
 
 
  • Imprimir este conteúdo
  •  
  • Salvar este conteúdo
  •  
  •  
  •  
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  • Compartilhar no Whatsapp
  •  
 
 

Deixe aqui seu comentário

Ícone do comentário
 
Sede
Rio de Janeiro
Rua Félix da Cunha, 41
Tijuca - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20260-300
Telefone: (21) 2169-2169
E-mail: faleconosco@crefito2.org.br
Site: www.crefito2.gov.br


Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.
Subsede
Sul Fluminense
(Volta Redonda - RJ)
Rua 18-B, 43, Sala 405
Edifício Centro Empresarial - Vila Santa Cecília
Volta Redonda - RJ
CEP: 27260-100
Telefone: (24) 3343-3930
E-mail: subsedevoltaredonda@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
Subsede
Norte Fluminense
(Campos dos Goytacazes - RJ)
Rua Alvarenga Filho, 114, Sala 607
Condomínio CDT - Pelinca
Campos dos Goytacazes - RJ
CEP: 28035-125
Telefone: (22) 3025-2580
E-mail: subsedecampos@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
 
Subsede
Região Serrana
(Teresópolis - RJ)
Av. Feliciano Sodré, 300, Sala 518,
Várzea, Teresópolis - RJ
CEP: 25963-081
E-mail: subsedeteresopolis@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
Subsede
Região dos Lagos
(Cabo Frio - RJ)
Av. Julia Kubistchek, 16, Sala 317, Condomínio Edifício Premier Center,
Centro, Cabo Frio – RJ – CEP: 28.905-000
E-mail: subsedecabofrio@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
Subsede
Baixada Fluminense
(Nova Iguaçu – RJ)
Av. Gov. Roberto Silveira, 470, Sala 227,
Centro, Nova Iguaçu – RJ
CEP: 26210-210
E-mail: subsedenovaiguacu@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.