Rio de Janeiro
O movimento Julho Amarelo está conscientizando o Brasil todo sobre a importância da prevenção e tratamento das Hepatites Virais.
A+ A-

Notícias

“Acessibilidade e Humanização são concepções filosóficas que devem estar presentes na prática de todos os profissionais da saúde”

Dra. Marcia Cabral, fisioterapeuta homenageada pelo Crefito-2, destaca a importância do tema da XII Jornada do órgão.

A Dra. Marcia Cabral da Costa recebeu a Medalha de Honra ao Mérito Fernando Lemos, homenagem especial do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional. A comenda foi entregue durante a Solenidade de Abertura da XII Jornada Científica do Crefito-2, no último dia 29 de Setembro, no Teatro Odylo Costa, filho, na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).

A profissional é graduada em Terapia Ocupacional e em Fisioterapia pela Universidade Castelo Branco (UCB), mestre em Psicologia pela Universidade Federal Fluminense (UFF), onde também cursou especialização em Clínica Transdisciplinar em Instituições Públicas.

Atualmente é docente e coordenadora do Curso de graduação em Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É preceptora da residência multiprofissional do Instituto de Psiquiatria da UFRJ (Ipub) e pesquisadora da área de saúde mental, arte e humanização e vice-líder do Grupo de pesquisa do CNPq (Incart).

Em sua prática profissional, desempenhou atividades como docente e coordenadora de cursos de Terapia Ocupacional e Fisioterapia, pesquisadora de projetos voltados à área de saúde mental e de crianças e adolescentes com dificuldade de aprendizagem, em situação de vulnerabilidade social. Foi Terapeuta Ocupacional das Secretarias Municipal e Estadual de Saúde do Rio de Janeiro (IMAS-Nise da Silveira e Centro Psiquiátrico do Rio de Janeiro) e coordenadora de equipe de Reabilitação Baseada na Comunidade (RBC) e de projetos sociais em ONG voltada para jovens em situação de vulnerabilidade social.

Crefito-2: Comente sobre se sentimento ao receber esta homenagem e a importância deste reconhecimento por parte do Conselho. 

Com o sentimento de uma profunda alegria e honra pela lembrança e homenagem prestada. O reconhecimento pelo órgão representativo da nossa profissão, como é o Crefito-2 nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo, nos faz reconhecer em nós mesmos todas as ações que desenvolvemos em prol da nossa profissão e que não percebemos pela correria em que vivemos atualmente. Isso é muito gratificante, pois não nos damos conta da contribuição que oferecemos a profissão.

Crefito-2: Comente sobre a importância de se tratar “Acessibilidade e Humanização” como tema na XII Jornada Científica de Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

Estes temas são muito caros para mim! Em especial, porque dizem respeito a concepções filosóficas que devem estar presentes na prática de todos os profissionais da saúde. O terapeuta ocupacional é marcado por sua história construída por diversas ações voltadas tanto a acessibilidade quanto de humanização. Como professora de Terapia Ocupacional, tenho investido no fortalecimento e ampliação destas discussões para a formação de futuros terapeutas ocupacionais. São conceitos e concepções fundamentais para a sensibilização e a capacitação ética e técnica de todo profissional da saúde. O Crefito-2, ao propor este tema, na XII Jornada Científica de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, sem dúvida contribui para a difusão do conhecimento e de práticas sobre estas temáticas e, certamente, colabora na multiplicação de novas ações entre terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas pautadas pela Acessibilidade e Humanização.

Crefito-2: Quais os principais avanços da sua área e / ou momentos profissionais mais marcaram sua vida?

Sem dúvida, a criação do primeiro curso público de Terapia Ocupacional no estado do Rio de Janeiro.

Crefito-2: Quais os desafios do atual momento da fisioterapia / terapia ocupacional?

Solidificar as conquistas atuais da profissão, em especial, formando futuros terapeutas ocupacionais de modo a atender as reais necessidades da população.

Crefito-2: Quais são suas perspectivas e anseios para o futuro da sua área?

Solidificar a formação dos terapeutas ocupacionais no estado do Rio de Janeiro bem como fortalecendo a área de pesquisa em Terapia Ocupacional, em especial, no estado do Rio de Janeiro.

 
 
 
  • Imprimir este conteúdo
  •  
  • Salvar este conteúdo
  •  
  •  
  •  
  • Enviar para um amigo
  •  
  • Compartilhar no Twitter
  •  
  • Compartilhar no Facebook
  •  
  • Compartilhar no Whatsapp
  •  
 
 

Deixe aqui seu comentário

Ícone do comentário
 
Sede
Rio de Janeiro
Rua Félix da Cunha, 41
Tijuca - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20260-300
Telefone: (21) 2169-2169
E-mail: faleconosco@crefito2.org.br
Site: www.crefito2.gov.br


Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.
Subsede
Sul Fluminense
(Volta Redonda - RJ)
Rua 18-B, 43, Sala 405
Edifício Centro Empresarial - Vila Santa Cecília
Volta Redonda - RJ
CEP: 27260-100
Telefone: (24) 3343-3930
E-mail: subsedevoltaredonda@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
Subsede
Norte Fluminense
(Campos dos Goytacazes - RJ)
Rua Alvarenga Filho, 114, Sala 607
Condomínio CDT - Pelinca
Campos dos Goytacazes - RJ
CEP: 28035-125
Telefone: (22) 3025-2580
E-mail: subsedecampos@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
 
Subsede
Região Serrana
(Teresópolis - RJ)
Av. Feliciano Sodré, 300, Sala 518,
Várzea, Teresópolis - RJ
CEP: 25963-081
E-mail: subsedeteresopolis@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
Subsede
Região dos Lagos
(Cabo Frio - RJ)
Av. Julia Kubistchek, 16, Sala 317, Condomínio Edifício Premier Center,
Centro, Cabo Frio – RJ – CEP: 28.905-000
E-mail: subsedecabofrio@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
Subsede
Baixada Fluminense
(Nova Iguaçu – RJ)
Av. Gov. Roberto Silveira, 470, Sala 227,
Centro, Nova Iguaçu – RJ
CEP: 26285-060
E-mail: subsedenovaiguacu@crefito2.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.